Em protesto Cooperativas do Transporte Alternativo fecham BR 101 por 4 horas

by Redação Guarananet

Os “Loteiros” da Federação das Cooperativas de Transportes Alternativos Lei 11.378/09 sancionada pelo governador Jaques Wagner, que regulariza o transporte alternativo realizaram na manha desta terça-feira (16), uma manifestação publica, que fechou a BR 101, nas mediações do Posto da Polícia Rodoviária Feral na cidade de Eunápolis, e durou cerca de 04:00h.

Os manifestantes interditaram a BR com barricada de pneus e um carro de som foi estacionado no meio da rodovia impedindo o tráfego. Somente veículos de emergência foram liberados para trafegar no acostamento.

Foto: Estevão Silva
manifestação publica, que fechou a BR 101, nas mediações do Posto da Polícia Rodoviária Feral na cidade de Eunápolis

O motivo da paralisação na BR se deu pelo resultado negativo em que a Cooperativa obteve em uma reunião realizada em Salvador, com o diretor da AGERBA, Eduardo Pessoa. Na ocasião os representantes dos Alternativos solicitaram a aplicação da Lei na região extremo sul da Bahia, onde atua pelo menos 20 Cooperativas filiadas empregando quase 400 pais de família.

As reivindicações se dão ainda pela razão e forma em que os trabalhadores da Cooperativa são tratados pelos fiscais da AGERBA, que segundo o Diretor da Confederação dos Associados, Josenilson dos Santos vem abusando da autoridade para aplicar multas abusivas que chegam até R$ 2.800,00 e apreender veículos de lotação. “Somos todos pais de famílias e só estamos aqui cobrando respeito e o direito de podermos executar os nossos trabalhos de forma legal baseado em uma lei que já vigora em algumas cidades da Bahia”. Afirmou Josenilson.

O congestionamento se estendeu por cerca de 40km da BR 101

Ainda durante o protesto um telefonema do Líder de governo na Assembleia Legislativa, Deputado Estadual José Neto (PT), garantiu aos cooperativistas, que agendará nos próximos dias uma reunião na capital baiana entre representantes da classe e o governador Jaques Wagner para tratar do assunto em questão.

Na reunião com o Governador o Diretor Josenilson pretende defender em nome da classe, a anistia das multas, o afastamento de alguns agentes da AGERBA e a participação da Cooperativa em criação de processos licitatórios relacionados aos alternativos.

O motivo da paralisação na BR se deu pelo resultado negativo em que a Cooperativa obteve em uma reunião realizada em Salvador, com o diretor da AGERBA

A paralização que gerou um congestionamento de veículos em quase 40 km da BR, só findou quando o Diretor da AGERBA enviou via fax, um oficio ordenado à liberação de dois veículos de lotação que foram apreendidos recentemente e estava a disposição no pátio do DETRAN em Eunápolis.

Participaram do manifesto, associados e confederados das cidades de Guaratinga, Itabela, Eunápolis, Porto Seguro, Itapevi, Itagimirim, Itamaraju e Teixeira de Freitas, além de contar com o apoio do advogado da Cooperativa, Dr. Rafael Rodrigues, dos vereadores Misael Gregório (PV – Guaratinga) e Erlita de Freitas (PT – Teixeira de Freitas), e do vice-prefeito de Guaratinga Ezequiel Xavier.

 

Por: Estevão Silva – guarananet.com

260 comments
0

Related Posts

Leave a Comment

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceitar Leia Mais

Politica de privacidade de Cookies